• HOOST

Iluminar bem para vender bem



Já não é novidade para ninguém que home staging significa valorização imobiliária e que o objectivo é atrair o maior número de pessoas . A iluminação, limpeza, arrumação e decoração são os 4 factores chave que ajudam a atrair potenciais compradores.


A primeira permite que os visitantes tenham uma visão melhor e mais desimpedida do imóvel, sentindo-se confortáveis quando estão lá dentro. Mesmo que haja uma boa entrada de luz natural, acenda os candeeiros para dar a sensação de grande luminosidade dentro de casa.


A iluminação é um dos segredos da alma dos espaços. Uma iluminação muito forte e central cria um ambiente frio e distante. A iluminação de um espaço deve ser uma conjugação de pontos de luz colocados, especificamente, para cada função/ recanto. 

Assim, é importante ter pontos de luz junto ao sofá, ter um ponto de luz sobre a mesa de refeições, um ponto de luz específico para leitura e pontos de luz localizados distribuídos uniformemente por todo o espaço. As lâmpadas devem ser de tom quente.

Numa casa onde a luz natural escasseia, a existência de luz artificial assume um papel ainda mais decisivo. A luminosidade influencia o nosso estado de espírito e a nossa saúde mental numa base diária. A luz dá-nos energia e levanta-nos o espírito.


Actualmente há no mercado uma infinidade de ofertas no que à iluminação diz respeito e não faltam candeeiros que vão ao encontro dos mais diversos pontos de vista decorativos, orçamentos e circunstâncias. 


Deixamos-lhe algumas sugestões:


1. Sala


É a assoalhada onde ocorrem mais actividades ao mesmo tempo: ver televisão, ler, jogar, conversar e até comer. Por isso, mais que em qualquer outra assoalhada, devemos iluminar por camadas (ou layers). Candeeiros de pé, de mesa, de tecto e apliques devem ser estratégicamente distribuidos no espaço de acordo com a sua utilização.


2. Quarto


O quarto é o local de descanso pelo que a luz deve ser suave e convidar ao repouso. Nesse sentido, a instalação de iluminação indirecta é uma boa opção. É também importante colocar pontos de luz em ambos os lados da cama que podem ser candeeiros de mesa ou apliques de parede. Em quartos estreitos também poderá colocar de um lados um candeeiro de pé.



3. Escritório


No escritório, identifique as áreas onde vai trabalhar e ilumine-as em função disso. Certifique-se de que a luz não bate no ecrã do computador. Um computador fixo depende da localização dos cabos pelo que deve avaliar essas especificidades, antecipadamente. No escritório, favoreça luz indirecta – reflectida nas paredes e tecto – e aposte numa poltrona acompanhada por um candeeiro de pé e junto à janela, se for o caso. 


4. Cozinha


À semelhança da sala, a cozinha também é um espaço de socialização pelo que deve ter uma luz ambiente. Contudo é também uma divisão onde têm lugar tarefas específicas e de minúcia, motivo pelo qual não deve dispensar as luzes de tarefa, designadamente sob os armários superiores para iluminar as bancadas. Normalmente, escolhe-se uma iluminação esbranquiçada para esta área. Contudo, se na cozinha tem uma mesa, uma ilha ou uma península onde faz refeições diárias, opte por uma luz mais amarelada e aconchegante para a zona em causa. Pode, até, instalar um candeeiro suspenso sobre essa superfície.


Give your home a boost.


#hoost #hoostaging #giveyourhomeaboost #homestaging #interiordesign #designdeinteriores #decoração #stagingtosell #stagetorent #decoracaodeinteriores #decoration #homedecor #decortips #staging #realestate #fotografiaimobiliaria #marketingimobiliario #iahspeurope

57 visualizações